+55 11 4725 7662    |  +55 11 97227 5591  

Erros comuns de sites de empresas pequenas

Nelson Shimada | 27/09/2017

Websites são cruciais para pequenas empresas, ainda mais com sua base de clientes que cada vez mais utiliza o celular para acessar a internet. Contudo, mais da metade das pequenas empresas ainda não tem um website. Manter um website otimizado é crucial para adquirir novos clientes, criar credibilidade e desenvolver relacionamento com seu público-alvo.

Trabalhamos com inúmeras empresas pequenas e pesquisamos os seus websites todos os dias. Logicamente, tem alguns sites dessas empresas que são muito bons! Mas a grande maioria ainda peca por falta de elementos essenciais para a web. Em alguns casos, beiram a disfunção total.

Para ajudar a esses empresários a entenderem quais fatores prejudicam seus websites, compilamos uma lista dos erros comuns que identificamos e o que pode ser feito para consertá-los.

1. Incompatibilidade com dispositivos móveis

Em 2017, é essencial a compatibilidade do seu website com os dispositivos móveis. Além de seus visitantes já esperarem por isso, desde 2015 é uma exigência do Google para indexação. De acordo com o Comscore, o número de usuários que acessam o website somente através desses dispositivos ultrapassou o de usuários de desktops.

12 meses anterior a essa pesquisa, o número de usuários de desktop era duas vezes maior que o de usuários que utilizam apenas dispositivos móveis. Contudo, ainda 60% de empresas pequenas não tem websites que funcionam em aparelhos móveis. A única maneira de remediar este problema é desenvolver um website responsivo.

2. Design

O investimento de design pode não agradar alguns empresários. Consequentemente, optam por templates grátis ou soluções como Wix ou Weebly. Isso não quer dizer que o resultado vai automaticamente ser ruim. São excelentes ferramentas. É possível fazer um website funcional com elas, mas na prática vemos que os resultados muitas vezes ficam devendo nos aspectos design e navegabilidade.

Visitantes que não tiveram uma experiência positiva navegando o seu website geralmente não ficam e muito provavelmente não voltam. São oportunidades perdidas para gerar leads.

3. Falta de CTA

CTA é um acrônimo para “Call to Action”, o que significa “Chamada à uma Ação”. São links ou funções de uma página que levam os usuários a realizar certas ações.

A maioria esmagadora dos websites de empresas menores não tem informações de contato em sua página principal. É a responsabilidade da empresa fornecer a razão para visitar sua página. Neste caso, informações básicas de contato que deveriam ser facilmente acessíveis.

4. 1. Falta de Métricas

Sem métricas de desempenho, empresas não conseguem analisar o progresso, alcances orgânico e pago, hábitos e necessidades dos seus clientes. 75% dessas empresas não utilizam ferramentas como a Google Analytics para mensurar desempenho do seu website.

Há muitas ferramentas gratuitas para utilizar e instalar. Tendo esses insights, você pode facilmente identificar gargalos de seu website e resolvê-los.

5. SEO

Marketing para pequenas empresas está ficando cada vez mais competitivo. A visibilidade na internet é muito importante pois ajuda potenciais clientes a descobrir sua empresa. Contudo, 26% de empresas menores com conseguem ser descobertas em busca via Google por ter ranking de zero.

Por não entender muito sobre SEO, empresários evitam implementar uma estratégia de otimização para não perder dinheiro.

Aqui está uma alternativa para você. Clique aqui para acessar algumas ferramentas de SEO para identificar o que precisa ser melhorado.

6. Sem links para Mídias Sociais

Compartilhar é amar! É também um componente muito importante para sua estratégia de marketing digital e geração de lead. De acordo com a Statista, havia 1,74 bilhões de usuários ativos mensais (MAUs) em canais de mídias sociais em 2015. Até 2018 o número está projetado para ser o dobro.

Permitindo o compartilhamento das experiências dos seus clientes com a sua marca via mídias sociais, você aumenta o alcance de informações sobre seu negócio para pessoas que não haviam sido atingidos pela sua marca.

7. Conteúdo Desatualizado

Websites que são atualizados com frequência sobem no ranking dos sites de busca e são geralmente mais engajantes para o usuário. Portanto, não esqueça de sempre colocar novos conteúdos no seu website.

Caso esteja procurando desenvolver seu website, opte por um CMS (sistema de gerenciamento de conteúdo) como WordPress. Esse sistema permite atualizar o conteúdo do seu website mesmo sem saber programar.

Resumindo

1. Adicione um CTA, uma chamada a ação se ainda não tiver um.

2. Adicione informações de contato na sua página principal. Se tiver no rodapé do seu site em todas as páginas, melhor ainda!

3. Verifique se todas as informações sobre sua empresa estejam corretas.

4. Se sua empresa tiver contas nas mídias sociais, coloque links no seu website e blog.

5. Sempre atualize seu website. Remova conteúdos velhos e adicione novos conteúdos.

6. Se tiver um blog, escreva com uma certa frequência.

7. E o mais importante de todos, tenha um website responsivo! Acesse o Responsinator para ver como o seu website fica em vários aparelhos móveis.

SAIBA MAIS SOBRE O QUE A EGGBOX PODE FAZER PARA A SUA MARCA CRESCER

ENTRE EM CONTATO
2017-10-06T05:31:43+00:00